quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Afinal ainda não te esqueci...


Eu sei bem que disse que te tinha esquecido, que eras parte do passado, mas não és! Afinal, como ia eu esquecer quem me mudou, quem me fez voltar a sorrir? Tudo o que fizeste por mim, tudo o que me disseste, eu nunca esqueci! Posso fingir que não quero saber, mas a única coisa que quero é que me digas que me amas! Tenho saudades das alturas em que passávamos imenso tempo juntos, das coisas parvas que fazíamos... Deixas-te-me só, quando eu mais precisava de ti, deixas-te-me sem me dares uma explicação! Tudo isso me magoou e ainda magoa! Mas eu desculpei e quando pensei que podíamos voltar a ser o que éramos, tu ignoras-te-me! Agora, devia ser eu a fazer-te isso, mas eu não consigo. O que sinto por ti não desapareceu nem diminuiu, apenas aumentou. Não sei que mais te dizer e mesmo sabendo que nunca vais ler isto, escrevi-o. Apenas te posso dizer que te amo, que te amo muito.

18 comentários:

  1. Identifico-me tanto com o que escreveste... Há uns anos traz eu apaixonei por um rapaz que me fez acreditar que eu merecia ser feliz e que tinha razoes para sorrir, mudou completamente. Até que um dia ele desapareceu, quando digo desapareceu, desapareceu mesmo da minha vida nem me dar uma explicação.
    O meu conselho é tenta outra vez, não o deixes " fugir"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredita que vou tentar e desistir já não está no meu vocabulário.

      Excluir
  2. É assim mesmo :) Se nunca tentamos não vamos sair do mesmo

    ResponderExcluir
  3. Obrigada pelo apoio :)
    Em relação ao chocolate, parabéns isso é óptimo :)
    Obrigada pelas sugestões, ajudas-te muito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou aqui para o que for preciso (:
      Obrigada :)

      Excluir
  4. É tão dificil esquecer um amor tão grande :S

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito do que escreveste e apesar de não me identificar com ele porque nunca me apaixonei...bem...o teu texto tocou-me
    :)

    ResponderExcluir
  6. Texto lindo!


    http://placequotehere.blogspot.pt/2012/09/sirius-black.html

    ResponderExcluir
  7. porque é que não podes comer batatas (responde quando fores comentar o meu blog please)

    ResponderExcluir
  8. Adoro o texto, e sei perfeitamente o que sentes, eu também já passei por isso...

    ResponderExcluir
  9. ahh ok, pensava que não podias mesmo xd

    ResponderExcluir